Tema JRA: Mobilidade

Confinamento não melhorou a qualidade do ar de Braga em 2020

Confinamento não melhorou a qualidade do ar de Braga em 2020

Em 2020, na cidade de Braga, a qualidade do ar voltou a registar, valores médios anuais, de poluentes acima do limite legalmente permitido. A existência de elevadas quantidade de poluentes atmosféricos torna-se preocupante para a saúde das pessoas que vivem junto a certas áreas da cidade, apesar de o ano 2020 ter sido marcado pelo confinamento obrigatório.

Destruição de árvores faz germinar um movimento de revolta

Destruição de árvores faz germinar um movimento de revolta

Sob o pretexto da requalificação da Avenida dos Lusíadas em Braga, foram inicialmente abatidas 12 árvores consideradas “saudáveis” e emblemáticas. Este “rude golpe para a cidade”, segundo Pedro Augusto, um dos fundadores da “S.O.S. Árvores da Avenida dos Lusíadas – Braga”, gerou indignação por parte de um grupo de bracarenses preocupados com a perspetiva da espoliação do património arbóreo local. Esta contestação levou à mobilização espontânea de um grupo de cidadãos, com o intuito de procurar preservar as 56 árvores que irão ser abatidas, em cumprimento deste projeto de reabilitação apresentado pela Câmara Municipal de Braga.

Um Perigo Verde

Um Perigo Verde

Com o crescente desenvolvimento tecnológico e industrial, as últimas décadas trouxeram um crescimento das estruturas nas cidades europeias. Conjugar o urbanismo nos espaços citadinos com a natureza é um desafio crescente que exige cada vez mais intervenção e inovação nos tempos atuais. A substituição de espaços verdes por infraestruturas é um erro muito frequente que traz consequências a curto e longo prazo, uma vez que a vegetação nas cidades é essencial para a sustentabilidade das mesmas.

Aeroporto do Montijo: uma solução “mascarada”

Aeroporto do Montijo: uma solução “mascarada”

Desde 1969 que se discutem as localizações para a construção de um novo aeroporto na Área Metropolitana de Lisboa, em resposta ao aumento do tráfego aéreo, que desde aquela altura se começara a fazer notar no atual aeroporto Humberto Delgado. Só em 2014 é que se considerou a antiga BA6, localizada no Montijo, como futuro local de construção do aeroporto. Este projeto, tutelado pela ANA, tem sido alvo de fortes críticas relativamente à verdadeira extensão dos impactos ambientais a ele associados.