Resíduos Urbanos no Cacém e São Marcos

É cada vez mais frequente a presença de sujidade nas nossas ruas, não só na freguesia de Cacém e São Marcos, mas em todo o concelho de Sintra no geral. Podemos constatar que uma das causas de maior descontentamento da população da freguesia é redirecionada para com o tema da poluição.


Neste artigo, iremos dar prioridade aos resíduos urbanos, fonte de contaminação da freguesia.  O solo é um recurso básico, constituindo um componente fundamental dos ecossistemas e dos ciclos naturais, uma vez que, na natureza todos os processos são interdependentes, a degradação do solo está intimamente relacionada com problemas de outros recursos: recursos hídricos, biodiversidade e redução da qualidade de vida da população afetada.

Cacém

As cidades são espaços de grande produção de resíduos, sendo o Cacém e São Marcos uma das freguesias com maior percentagem de população por km2. Muitas vezes municípios como estes não têm capacidade de recolher os detritos e tratar, facto que cria grandes problemas ao nível da saúde pública.

Como forma de combater este tipo de poluição a autarquia tem criado alguns projetos e atividades, que têm o objetivo de alertar e consciencializar a população. Dentro destas ações temos vários exemplos como a  “AÇÃO DE SENSIBILIZAÇÃO DONOS DOS ANIMAIS” e a Ação Ambiental na Serra de Sintra.

O público alvo escolhido para estas atividades  tem sido os mais novos, porquanto estas ações são uma forma de as crianças poderem conhecer um pouco mais sobre a  natureza, de uma forma mais divertida e interativa, ensinando contudo a usar os recursos de uma forma mais sustentável.

O planeta está a ser destruído aos poucos, e cabe-nos a todos, jovens, adultos, e crianças mudar estas condições e poder tornar o mundo num lugar ambientalmente sustentável e saudável para as gerações vindouras.

 

Alunos envolvidos no projeto: João Palma e Steven Rodrigues

Escola: Escola Secundária de Ferreira Dias

Data: 03.04.2018

Partilha esta reportagem em