Parque de São Mateus

O parque de São Mateus, mais conhecido como “Parque Verde” pela sua simbiose com a Natureza, situa-se no coração da cidade de Cantanhede, localizada no distrito de Coimbra, a cidade “briosa”.


O parque de São Mateus, mais conhecido como “Parque Verde” pela sua simbiose com a Natureza, situa-se no coração da cidade de Cantanhede, localizada no distrito de Coimbra, a cidade “briosa”.

parque sao mateus

 

Este verdejante parque, com 7.6 hectares é um ponto de convívio entre a população de Cantanhede das várias faixas etárias sendo, assim, possível encontrar-se numa tarde de agosto crianças, adolescentes, adultos e idosos. É, também, um local onde se podem passear os respetivos animais domésticos e passar, assim, um bom momento, tranquilo e agradável. Antes da sua construção, a Quinta de São Mateus era onde se realizava a feira de Cantanhede, todos os meses. No verão, durante a feira agrícola, comercial e industrial de Cantanhede, mais conhecida por Expofacic, servia como um importante local de estacionamento para a grande quantidade de pessoas que participavam e visitavam este enorme evento, um dos pontos altos na região.

Uma das principais vantagens deste recente parque é, sem dúvida, a sua localização. Situa-se perto do centro da cidade e, também, da zona habitacional, tornando-o assim um local de fácil acesso. Nas suas redondezas encontramos também uma escola primária, básica e secundária, cujos alunos são assíduos frequentadores do Parque Verde durante os períodos de interrupção letiva. Caso venha com o objetivo de conhecer a cidade, pode hospedar-se no Hotel Marquês de Marialva, a 1 minuto do parque. Para uma noite bem passada, o teatro é sempre uma boa opção, culminando com um passeio à luz das estrelas pela relva. Além do referido anteriormente, é também possível ter acesso a outras zonas da cidade num relativo curto espaço de tempo.

No entanto, o parque mais conhecido de Cantanhede oferece também várias opções para transformar a nossa rotina em algo mais excitante e inovador. Assim, podemos ocupar o nosso tempo: nadando, indo ao ginásio ou participando numa partida de squach com os amigos nas Piscinas Municipais; jogando futsal, basquetebol, praticando ginástica ou artes marciais no Pavilhão “Os Marialvas”; outra hipótese, será uma partida de ténis no “Clube Escola de Ténis de Cantanhede”, ou experimentar uma aula de dança, durante o fim-de-semana, grátis ao público e onde, através de um momento de lazer, se convive, se aprende a dançar e, ao mesmo tempo, podemos tirar benefícios para a saúde. Caso nada disto agrade ao leitor, poderá simplesmente aproveitar o ambiente, como deitar-se na relva, correr enquanto ouve a sua música favorita, dar uma volta de bicicleta, dormir ou jogar à bola com os filhos, amigos ou, simplesmente, sozinho.

Quanto aos fatores ambientais, neste local, também designado como o “Pulmão de Cantanhede”, pode-se encontrar uma grande diversidade de fauna e flora. É, então, considerado um ecossistema dinâmico, equilibrado e em constante evolução. Para tal, ajuda também o facto de ter uma equipa de jardinagem em constante preocupação com o estado da relva. Esta empresa, a INOVA, é a responsável pela gestão e exploração da água, saneamento e resíduos urbanos e da organização de eventos como a Expofacic, em Cantanhede.

Por fim, é importante destacar o papel fundamental desta zona verde no bem-estar e na qualidade de vida da população “cantanhedense” pelo que, é mais do que merecida a homenagem ao Parque de São Mateus, um local que, sem dúvida, será intemporal para todos os habitantes desta cidade.

 

Alunos envolvidos no projeto: Bernardo Ferreira; João Caetano; João Neves; João Ferreira

Escola: Escola Secundária Lima-de-Faria

Data: 16.06.2016

Partilha esta reportagem em