Ainda é visível

Em pleno século XXI, numa sociedade dita moderna, evoluída e civilizada, a ação humana leva à perda de biodiversidade, pondo em causa a sobrevivência do Homem, dos restantes seres vivos e a continuidade de vida no planeta Terra.


Atitudes irrefletidas dos homens

As atitudes irrefletidas do Homem estão a fazer com que se viva uma crise ambiental à escala Mundial.  A poluição (introdução de substâncias / resíduos no meio ambiente,) está no topo dos problemas, com consequências nefastas para os seres vivos, pondo em causa a continuidade da vida no planeta.

Por quase todo o lado, aqui e ali, em grande ou em pequena quantidade é visível despojos de resíduos no solo, nas florestas, nas bermas das estradas. Muitas vezes, o Homem nem se esforça por colocar os resíduos nos recipientes adequados e colocados para esse efeito. Os mesmos acabam por ser espalhados pelo solo e muitos deles terminam no mar, o que provoca perda de fauna, flora, a esterilização da terra para plantação, a contaminação da água, que leva a doenças e mortes na biodiversidade marinha e terrestre.

A mesma, também é apontada como causadora de incêndios, que nos últimos anos têm sido um flagelo no nosso país, levando à destruição dos habitats, ao desaparecimento de ecossistemas, e, consequentemente, ao desaparecimento de seres vivos. Contribuindo, ainda, para o aquecimento global e consequentemente para as alterações climatéricas.

É preciso uma mudança de atitudes, é preciso uma maior e consistente política ambiental, local e global.

É preciso agir para que espécies não sejam extintas, para que a vida no planeta Terra não continue em perigo.

 

Alunos envolvidos no projeto: Gabriela Almeida

Escola: EB 2,3 de Mundão

Data: 11.02.2019

Partilha esta reportagem em